Publicidade

terça-feira, 26 de janeiro de 2010 Campeonatos Estaduais, Confrontos, Estatísticas, História | 12:14

Vasco aplicou a segunda maior goleada sobre o Botafogo

Compartilhe: Twitter

A esmagadora vitória do Vasco por 6 x 0 sobre o Botafogo, no último domingo, foi a segunda maior do clube cruzmaltino na história do “Clássico da Amizade”. Desde o dia 22 de abril de 1923, data do primeiro jogo, o Vasco já ganhou do rival 21 vezes por mais de 3 gols. A maior goleada foi no dia 29 de abril de 2001, pelo Campeonato Carioca, quando o Vasco aplicou um 7 x 0 no Botafogo, com três gols de Juninho Paulista, dois de Romário, um de Pedrinho e outro de Euller. Já a maior vitória do Botafogo no clássico foi um 5 x 0 , no dia 11 de junho de 1958, gols de Quarentinha (2), Paulinho Valentim, Garrinchinha e Rossi.

O Vasco também goleou o Botafogo pela segunda vez consecutiva no Engenhão, casa botafoguense. No ano passado, pelo Carioca, o Vasco venceu por 4 x 1. Outra curiosidade dessa última vitória do Vasco por 6 x 0 foi que o atacante Dodô entrou para o seleto grupo de jogadores que marcaram 3 gols pelo Vasco no clássico. Antes dele, apenas seis jogadores conseguiram tal façanha: Juninho Paulista (7 x 0, dia 29/4/2001); Russinho (6 x 3, dia 10/3/1927; e 4 x 2, dia 11/10/1925); Orlando Pinto (5 x 3, dia 8/6/1941);  Maneca (4 x 1, dia 15/8/1953); Romário (4 x 3, dia 28/3/1988; e 5 x 3, dia 22/1/2006); e Roberto Dinamite (3 x 2, dia 25/8/1974).

Confira abaixo as maiores goleadas de cada clube no clássico:

Goleadas do Vasco

Data Resultado Local Competição
29/04/2001 Vasco 7 x 0 Botafogo Maracanã Carioca
27/03/1946 Vasco 8 x 4 Botafogo Laranjeiras Torneio Nacional
24/01/2010 Vasco 6 x 0 Botafogo Engenhão Carioca
23/06/1935 Vasco 4 x 0 Botafogo General Severiano Carioca
19/10/1941 Vasco 4 x 0 Botafogo São Januário Carioca
30/05/2004 Vasco 4 x 0 Botafogo Maracanã Brasileiro
10/04/1927 Vasco 6 x 3 Botafogo General Severiano Amistoso
21/03/1926 Vasco 5 x 2 Botafogo Campos Salles Amistoso
24/07/1943 Vasco 4 x 1 Botafogo São Januário Carioca
15/08/1953 Vasco 4 x 1 Botafogo Maracanã Carioca
12/03/2009 Vasco 4 x 1 Botafogo Engenhão Carioca
14/05/1936 Vasco 3 x 0 Botafogo São Januário Amistoso
16/06/1940 Vasco 3 x 0 Botafogo Laranjeiras Carioca
15/03/1944 Vasco 3 x 0 Botafogo Laranjeiras Torneio Nacional
07/07/1946 Vasco 3 x 0 Botafogo General Severiano Carioca
10/11/1957 Vasco 3 x 0 Botafogo Maracanã Carioca
06/07/1969 Vasco 3 x 0 Botafogo Maracanã Robertão
16/09/1984 Vasco 3 x 0 Botafogo São Januário Carioca
23/05/1988 Vasco 3 x 0 Botafogo Maracanã Carioca
01/12/1988 Vasco 3 x 0 Botafogo Maracanã Brasileiro
14/04/1991 Vasco 3 x 0 Botafogo Maracanã Brasileiro


.
Goleadas do Botafogo

Data Resultado Local Competição
11/06/1958 Botafogo 5 x 0 Vasco General Severiano Torneio Nacional
09/08/1942 Botafogo 5 x 1 Vasco General Severiano Carioca
18/03/1961 Botafogo 5 x 1 Vasco Maracanã Torneio Rio-São Paulo
31/05/1947 Botafogo 4 x 0 Vasco Gávea Torneio Nacional
19/11/1961 Botafogo 4 x 0 Vasco Maracanã Carioca
09/06/1968 Botafogo 4 x 0 Vasco Maracanã Carioca
14/06/2007 Botafogo 4 x 0 Vasco Maracanã Brasileiro
25/05/2006 Botafogo 4 x 1 Vasco Maracanã Brasileiro
10/07/1938 Botafogo 5 x 2 Vasco Figueira de Melo Torneio Nacional
20/12/1931 Botafogo 3 x 0 Vasco São Januário Carioca
20/06/1951 Botafogo 3 x 0 Vasco Laranjeiras Torneio Nacional
11/08/1965 Botafogo 3 x 0 Vasco Maracanã Torneio Nacional
27/03/1966 Botafogo 3 x 0 Vasco Maracanã Torneio Rio-São Paulo
05/03/1972 Botafogo 3 x 0 Vasco Maracanã Carioca
Autor: Tags: , ,

5 comentários | Comentar

  1. 25 Pedro Varanda 18/02/2010 10:45

    Bom dia, Rodolfo. O Botafogo FR em mais uma final.

    AS DECISÕES DO BOTAFOGO FR DE TAÇAS GUANABARA
    Decisões – 8 (oito)
    Ganhou – 5 (cinco)
    Perdeu – 3 (três)

    VASCO 2 x 0 BOTAFOGO
    Data: 5 de setembro de 1965
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: Cr$ 72.927.380,00
    Público: 115.064 pagantes
    Árbitro: Frederico Lopes
    Competição: Taça Guanabara (decisão)
    Gols: 1° tempo – Vasco 1 a 0, Oldair; Final – Vasco 2 a 0, Paulistinha (contra)
    Vasco: Gainete, Joel, Brito, Fontana e Oldair; Maranhão e Lorico; Luisinho, Célio, Mário e Zezinho. Técnico: Zezé Moreira
    Botafogo: Manga, Joel, Zé Carlos, Paulistinha e Rildo; Ayrton e Gérson; Garrincha, Sicupira, Jairzinho e Roberto. Técnico: Daniel Pinto
    Obs: Paulistinha e Roberto foram expulsos

    BOTAFOGO 3 x 2 AMÉRICA
    Data: 20 de agosto de 1967
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: NCr$ 183.226,30
    Público: 82.421 (70.254 pagantes)
    Árbitro: Cláudio Magalhães
    Competição: Taça Guanabara (decisão)
    Gols: 1° tempo – Empate 1 a 1, Paulo Cézar e Edu; Final dos 90’ – Empate 2 a 2, Eduardo e Paulo Cézar. Prorrogação de 20 minutos – Botafogo 1 a 0, Paulo Cézar
    Botafogo: Manga, Moreira, Zé Carlos, Leônidas e Waltencir; Carlos Roberto e Gérson; Rogério, Roberto, Jairzinho e Paulo Cézar. Técnico: Zagallo
    América: Arésio, Sérgio, Alex, Aldeci e Dejair; Marcos e Ica; Joãozinho, Antunes, Edu e Eduardo. Técnico: Evaristo de Macedo
    Obs: Jairzinho foi expulso, aos 43’ do 1° tempo
    NOTA: BOTAFOGO, CAMPEÃO DA TAÇA GUANABARA (1967)

    BOTAFOGO 4 x 1 FLAMENGO
    Data: 18 de setembro de 1968
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: NCr$ 331.583,25
    Público: 94.535 pagantes
    Árbitro: Armando Marques
    Competição: Taça Guanabara (decisão)
    Gols: 1° tempo – Botafogo 1 a 0, Gérson; Final – Botafogo 4 a 1, Dionísio, Zequinha, Gérson e Roberto
    Botafogo: Cao (Wendell), Moreira, Zé Carlos, Leônidas (Dimas) e Waltencir; Carlos Roberto e Gérson; Zequinha, Roberto, Jairzinho e Paulo Cézar. Técnico: Zagallo
    Flamengo: Ubirajara Alcântara, Murilo, Onça (Jorge Andrade), Guilherme e Paulo Henrique; Nelsinho (Dionísio), Carlinhos, Liminha e Rodrigues Neto; Silva Batuta e Fio Maravilha. Técnico: Válter Miraglia
    Obs: O CRF jogou de branco e Gérson cobrou dois pênaltis, perdeu um e converteu o outro
    NOTA: BOTAFOGO, BICAMPEÃO DA TAÇA GUANABARA (1967-1968)

    FLAMENGO 3 x 2 BOTAFOGO
    Data: 23 de março de 1995
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: R$ 768.811,00
    Público: 50.865 pagantes
    Árbitro: Léo Feldman
    Competição: Jogo único da Taça Guanabara (decisão)
    Gols: 1° tempo – Fla 2 a 0, Romário (2); Final – Fla 3 a 2, Adriano (2) e Romário
    Flamengo: Emerson, Fabinho, Jorge Luiz, Agnaldo e Marcos Adriano; Charles Guerreiro, Válber, Marquinhos e William (Nélio); Sávio (Mazinho) e Romário. Técnico: Vanderlei Luxemburgo
    Botafogo: Wagner, Wilson Goiano, Wilson Gottardo, Márcio Theodoro e Jefferson; Jamir (Guga), Moisés, Beto (Adriano) e Sérgio Manoel; Narcízio e Túlio. Técnico: Jair Pereira
    Obs: Túlio e Agnaldo foram expulsos

    BOTAFOGO 1 x 0 VASCO
    Data: 30 de março de 1997
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: R$ 912.915,00
    Público: 88.404 (81.893 pagantes)
    Árbitro: Carlos Elias Pimentel
    Competição: Campeonato Carioca (decisão da Taça Guanabara)
    Gol: Gonçalves, aos 32 minutos do 2° tempo
    Botafogo: Wagner, Wilson Goiano, Jorge Luiz, Gonçalves e Jefferson; Marcelinho Paulista, Pingo, Djair e Aílton; Bentinho e Sorato (Dimba). Técnico: Joel Santana
    Vasco: Carlos Germano, Pimentel, Tinho, João Luís e Felipe; Luisinho (Pedrinho), Fabrício, Juninho Pernambucano e Ramon; Almir (Mauricinho) e Edmundo. Técnico: Antônio Lopes
    Obs: BOTAFOGO, CAMPEÃO DA TAÇA GUANABARA COM 12 VITÓRIAS EM 12 JOGOS (100%) – 1997

    BOTAFOGO 3 x 1 AMÉRICA
    Data: 12 de fevereiro de 2006
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: R$ 588.500,00
    Público: 44.550 pagantes
    Árbitro: William Marcelo de Souza Nery
    Competição: Campeonato Carioca (decisão da Taça Guanabara)
    Gols: Robert, aos 16’ do 1° tempo; Scheidt, aos 13’, Dodô, aos 21’ e Zé Roberto, aos 33’ do 2° tempo
    Botafogo: Max, Ruy (Neném), Scheidt, Asprilla e Bill (Gláuber); Thiago Xavier, Diguinho, Lúcio Flávio e Zé Roberto; Marcelinho (Reinaldo) e Dodô. Técnico: Carlos Roberto
    América: Éverton, Guerra, André, Santiago e Maciel; Válber, Argeu (Bruno Silva), Bruno Lazarone e Julinho; Robert (Leandro) e Chrys (Flávio). Técnico: Jorginho
    Obs: 1) Bruno Lazarone foi expulso. Antes, porém, o goleiro reserva do América Fábio Noronha, que estava no banco, também foi expulso, por ofensas ao árbitro.
    2) BOTAFOGO, CAMPEÃO DA TAÇA GUANABARA (2006)

    FLAMENGO 2 x 1 BOTAFOGO
    Data: 24 de fevereiro de 2008
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: R$ 1.684.225,00
    Público: 84.185 (78.830 pagantes)
    Árbitro: Marcelo de Lima Henrique
    Competição: Campeonato Carioca (decisão da Taça Guanabara)
    Gols: Wellington Paulista, aos 28’ do 1° tempo; Íbson, aos 18’ e Diego Tardelli, aos 46’ do 2° tempo
    Flamengo: Bruno, Leonardo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan; Jaílton (Kléberson), Cristian, Íbson e Toró (Diego Tardelli); Marcinho (Obina) e Souza. Técnico: Joel Santana
    Botafogo: Castillo, Alessandro (Fábio), Renato Silva, Ferrero e Eduardo (Édson); Túlio, Diguinho, Lúcio Flávio e Zé Carlos; Adriano Felício (Jorge Henrique) e Wellington Paulista. Técnico: Cuca
    Obs: Souza, Zé Carlos e Lúcio Flávio foram expulsos

    BOTAFOGO 3 x 0 RESENDE
    Data: 1° de março de 2009
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: R$ 1.251.174,50
    Público: 75.350 (72.301 pagantes)
    Árbitro: João Batista de Arruda
    Competição: Campeonato Carioca (decisão da Taça Guanabara)
    Gols: Reinaldo, aos 34’ (1° tempo); Lucas Silva, aos 7’ e Maicosuel, aos 41’ (2° tempo)
    Botafogo: Renan, Emerson (Léo Silva), Juninho e Wellington; Alessandro, Leandro Guerreiro, Fahel, Maicosuel e Thiaguinho (Wellington Júnior); Lucas Silva (Jean Carioca) e Reinaldo. Técnico: Ney Franco
    Resende: Cléber, Márcio Costa (Beto), Breno e Naílton; Bruno Leite (Hiroshi), Márcio Gomes, Fred, Léo (Viola) e Marquinhos; Fabiano e Bruno Meneghel. Técnico: Antônio Carlos “Roy”
    Obs: 1) Naílton e Wellington Júnior foram expulsos;
    2) BOTAFOGO, CAMPEÃO DA TAÇA GUANABARA (2009)

    Saudações Alvinegras,
    Pedro Varanda

    Responder
  2. 24 Pedro Varanda 04/02/2010 12:36

    Oi, Rodolfo. Segue os números de Botafogo FR e América FC. Vale lembrar que não estão computados jogos-treinos e nem amistosos do time de aspirantes/reservas.

    BOTAFOGO F.R. x AMÉRICA F.C.
    Total de jogos – 271
    Vitórias do Botafogo – 125
    Vitórias do América – 76
    Empates – 70
    Gols do Botafogo – 505
    Gols do América – 387

    1º Jogo – 28 / 06 / 1908 – América 2 a 0 (Camp. Carioca), Rua Voluntários da Pátria.

    Último – 30 / 01 / 2010 – Botafogo 2 a 1 (Camp. Carioca), João Havelange.
    Gols do Botafogo: Loco Abreu e Caio.

    Maiores goleadas:
    03 / 11 / 1929 – América 11 a 2 (Camp. Carioca), Rua Campos Salles.
    Gols do Botafogo: Nilo e Celso.

    11 / 05 / 1996 – Botafogo 7 a 0 (Camp. Carioca), Rua Bariri.
    Gols: Túlio Maravilha (4), Bentinho (2) e Beto.

    Decisões:
    20 / 08 / 1967 – Botafogo 3 a 2 (Taça Guanabara), Maracanã.
    Gols do Botafogo: Paulo Cézar (3); Gols do América: Edu e Eduardo.

    12 / 02 / 2006 – Botafogo 3 a 1 (Taça Guanabara), Maracanã.
    Gols do Botafogo: Scheidt, Dodô e Zé Roberto; Gol do América: Robert.

    Saudações Alvinegras

    Responder
  3. 23 Pedro Varanda 28/01/2010 18:53

    Boa noite, Rodolfo.

    Segue mais duas goleadas do clássico:

    12/03/2009- Vasco 4 a 1 (Campeonato Carioca – Taça Rio).
    11/04/2009- Botafogo 4 a 0 (Campeonato Carioca – Taça Rio).

    Saudações esportivas.

    Responder
  4. 22 Pedro Varanda 28/01/2010 18:33

    Fala, Rodolfo!

    O Vasco goleou mais, porém em decisões, só dá Fogão!

    JOGOS ENTRE BOTAFOGO E VASCO QUE DECIDIRAM TÍTULOS A FAVOR DO ALVINEGRO DE GENERAL SEVERIANO, O BOTAFOGO.

    BOTAFOGO 3 x 1 VASCO
    Data: 12 de dezembro de 1948
    Local: General Severiano, Rio de Janeiro
    Renda: Cr$ 570.000,00
    Público: 20.000 (18.321 pagantes)
    Árbitro: Mário Gonçalves Vianna
    Competição: Campeonato Carioca (decisão)
    Gols: 1° tempo – Botafogo 2 a 0, Paraguaio, de cabeça, aos 2’e Braguinha, aos 40’; Final – Botafogo 3 a 1, Octávio, aos 5’ e Ávila (contra, de cabeça), aos 7’
    Botafogo: Osvaldo Baliza, Gérson e Nílton Santos; Rubinho, Ávila e Juvenal; Paraguaio, Geninho, Pirillo, Octávio e Braguinha. Técnico: Zezé Moreira
    Vasco: Barbosa, Augusto e Wilson; Ely, Danilo e Jorge; Friaça, Ademir Menezes, Dimas, Ipojucan e Chico. Técnico: Flávio Costa
    Obs: Gérson abandonou o campo aos 10’ do segundo tempo, por contusão. O Botafogo atuou com 10 (dez) até o final
    NOTAS: 1) “O BOTAFOGO TIROU O ‘EXPRESSO DA VITÓRIA’ DOS TRILHOS”; 2) BOTAFOGO, CAMPEÃO CARIOCA (1948).

    BOTAFOGO 3 x 0 VASCO
    Data: 20 de junho de 1951
    Local: Laranjeiras, Rio de Janeiro
    Renda: Cr$ 29.590,00
    Público?
    Árbitro: Alberto da Gama Malcher
    Competição: Torneio Municipal (Taça Prefeitura do Distrito Federal)
    Gols: Geraldo, de pênalti, aos 36’ (1° tempo); Baduca, aos 15’ e Dino, aos 32’ (2° tempo)
    Botafogo: Arízio, Haroldo e Nílton Santos; Araty, Richarde (Carlito) e Bob; Joel, Geraldo, Dino, Baduca e Jayme. Técnicos: Carvalho Leite e Newton Cardoso
    Vasco: Carlos Alberto, Acir (Joel) e Antoninho; Aldemar, Bira e Carlinhos; Noca, Cabano (Nelsinho), Vasconcellos, Jansen e Djair. Técnico: Oto Glória
    NOTA: BOTAFOGO, CAMPEÃO DO TORNEIO MUNICIPAL (1951).

    BOTAFOGO 3 x 0 VASCO
    Data: 27 de março de 1966
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: Cr$ 73.027.100,00
    Público: 69.960 pagantes
    Árbitro: José Mário Vinhas
    Competição: Torneio Rio-São Paulo (decisão)
    Gols: Jairzinho, aos 43’ (1º tempo); Jairzinho, aos 12’ e Parada, aos 17’ (2º tempo)
    Botafogo: Manga, Paulistinha, Zé Carlos, Dimas e Rildo; Élton e Gérson; Jairzinho, Bianchini (Zélio), Parada (Sicupira) e Roberto (Afonsinho).Técnico: Admildo Chirol
    Vasco: Amaury, Joel, Brito, Ananias e Oldair; Maranhão e Danilo Menezes; Zezinho (Luisinho), Picolé (Lorico), Célio e Tião. Técnico: Zezé Moreira
    NOTA: BOTAFOGO, TRICAMPEÃO DO TORNEIO RIO-SP (1962-1964-1966).

    BOTAFOGO 4 x 0 VASCO
    Data: 9 de junho de 1968
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: NCr$ 513.379,25
    Público: 141.689 (120.178 pagantes)
    Árbitro: Armando Marques
    Competição: Campeonato Carioca (decisão)
    Gols: 1° tempo – Botafogo 2 a 0, Roberto, aos 15′ e Rogério, aos 33′; Final – Botafogo 4 a 0, Jairzinho, aos 59′ e Gérson, de falta, aos 67′
    Botafogo: Cao, Moreira, Zé Carlos, Leônidas e Waltencir; Carlos Roberto e Gérson; Rogério, Roberto, Jairzinho e Paulo Cézar. Técnico: Zagallo
    Vasco: Pedro Paulo, Jorge Luiz, Brito, Ananias (Sérgio) e Ferreira; Bougleux e Danilo Menezes; Nado (Alcir), Ney, Walfrido e Silvinho. Técnico: Paulinho de Almeida
    NOTA: BOTAFOGO, BICAMPEÃO CARIOCA (1967-1968).

    BOTAFOGO 1 x 0 VASCO
    Data: 29 de julho de 1990
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: Cr$ 10.795.500,00
    Público: 35.083 pagantes
    Árbitro: Cláudio Garcia
    Competição: Campeonato Carioca (decisão)
    Gol: 1° tempo – 0 a 0; Final – Botafogo 1 a 0, Carlos Alberto Dias, aos 79′
    Botafogo: Ricardo Cruz, Paulo Roberto, Wilson Gottardo, Gonçalves e Renato Martins; Carlos Alberto Santos, Luisinho e Djair (Gustavo); Donizete, Valdeir e Carlos Alberto Dias. Técnico: Joel Martins
    Vasco: Acácio, Luiz Carlos Winck, Célio Silva, Quiñonez e Mazinho; Zé do Carmo, Marco Antônio Boiadeiro e Bismarck; Tita, Sorato e William (Roberto Dinamite). Técnico: Alcir Portella
    NOTA: BOTAFOGO, BICAMPEÃO CARIOCA (1989-1990).

    BOTAFOGO 2 x 0 VASCO
    Data: 14 / 07 / 1996
    Local: Mané Garrincha, Brasília
    Árbitro: Luciano Augusto de Almeida
    Competição: Copa Rio-Brasília (decisão)
    Gols: Túlio, aos 27’ (1° tempo) e Bentinho, de cabeça, aos 13’ (2° tempo)
    Botafogo: Carlão, Wilson Goiano, Alemão, Jefferson e André Silva; Souza, Otacílio, Marcelo Alves (Niki) e Bentinho; Mauricinho e Túlio. Técnico: Ricardo Barreto
    Vasco: Carlos Germano, Bruno Carvalho, Sídnei (Sandro), Alex e Cássio; Leandro, Luisinho, Juninho Pernambucano e Válber (Vítor); Alessandro (Brener) e Gian (Pedro Renato). Técnico: Carlos Alberto Silva
    Obs: Juninho Pernambucano, do Vasco, cobrou um pênalti no travessão.
    NOTA: BOTAFOGO, CAMPEÃO DA COPA RIO-BRASÍLIA (1996).

    BOTAFOGO 1 x 0 VASCO
    Data: 30 de março de 1997
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: R$ 912.915,00
    Público: 88.404 (81.893 pagantes)
    Árbitro: Carlos Elias Pimentel
    Competição: Campeonato Carioca (decisão da Taça Guanabara)
    Gol: 1° tempo – 0 a 0; Final – Botafogo 1 a 0, Gonçalves, aos 77′
    Botafogo: Wagner, Wilson Goiano, Jorge Luiz, Gonçalves e Jefferson; Marcelinho Paulista, Pingo, Djair e Aílton; Bentinho e Sorato (Dimba). Técnico: Joel Santana
    Vasco: Carlos Germano, Pimentel, Tinho, João Luís e Felipe; Luisinho (Pedrinho), Fabrício, Juninho Pernambucano e Ramon; Almir (Mauricinho) e Edmundo. Técnico: Antônio Lopes
    NOTA: BOTAFOGO, CAMPEÃO DA TAÇA GUANABARA (1997) COM 12 VITÓRIAS EM 12 JOGOS (100%).

    BOTAFOGO 1 x 0 VASCO
    Data: 8 de julho de 1997
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro
    Renda: R$ 248.370,00
    Público: 16.854 pagantes
    Árbitro: Sidrack Marinho dos Santos
    Competição: Campeonato Carioca (decisão)
    Gol: 1° tempo – 0 a 0; Final – Botafogo 1 a 0, Dimba, aos 78′
    Botafogo: Wagner, Wilson Goiano, Jorge Luiz, Gonçalves e Jefferson; Marcelinho Paulista, Pingo, Djair e Aílton (Marcelo Alves); Bentinho e Dimba (Róbson). Técnico: Joel Santana
    Vasco: Caetano, Pimentel, Moisés, Alex e Felipe; Luisinho, Fabrício, Juninho Pernambucano (Luiz Cláudio) e Ramon (Brener); Pedrinho e Edmundo. Técnico: Antônio Lopes
    NOTA: BOTAFOGO, CAMPEÃO CARIOCA (1997).

    BOTAFOGO, TUA ESTRELA SOLITÁRIA TE CONDUZ

    Saudações Alvinegras (SCCP e BFR),
    Pedro Varanda

    Responder
    • Pedro Varanda 23/02/2010 12:16

      Mais uma decisão vencida pelo Botafogo.

      BOTAFOGO 2 x 0 VASCO
      Data: 21 de fevereiro de 2010
      Local: Maracanã, Rio de Janeiro
      Renda: R$ 2.078.890,00
      Público: 81.908 (66.957 pagantes)
      Árbitro: Marcelo de Lima Henrique
      Competição: Campeonato Carioca (decisão da Taça Guanabara)
      Gols: 1° tempo – 0 a 0; Final – Botafogo 2 a 0 Fábio Ferreira (de cabeça), aos 70’ e Loco Abreu (de pênalti), aos 84’
      Botafogo: Jefferson, Wellington, Fahel e Fábio Ferreira; Alessandro, Leandro Guerreiro, Eduardo, Lúcio Flávio (Caio) e Marcelo Cordeiro; Herrera (Renato Cajá) e Loco Abreu. Técnico: Joel Santana
      Vasco: Fernando Prass, Élder Granja, Fernando, Titi e Márcio Careca; Nílton, Léo Gago (Magno, depois Rodrigo Pimpão), Souza (Rafael Carioca) e Carlos Alberto; Philippe Coutinho e Dodô. Técnico: Vágner Mancini
      Obs: Nílton e Titi foram expulsos
      NOTA: BOTAFOGO, BICAMPEÃO DA TAÇA GUANABARA (2009-2010).

      BOTAFOGO, TUA ESTRELA SOLITÁRIA TE CONDUZ!

  5. 21 João A. Rodrigues 27/01/2010 17:16

    Preclaro,
    Ficou faltando o jogo Botafogo 4 x 0 Vasco da Gama, pela semifinal da Taça Rio de 2009, realizado no dia 11/4/2009. Não faz tanto tempo assim, não ?
    Um abraço.
    JAR/

    Responder
  1. ver todos os comentários
 

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

* Campos obrigatórios


 

Responder comentário


* Campos obrigatórios