Publicidade

quarta-feira, 18 de abril de 2012 Copa Libertadores | 15:09

A real importância da melhor campanha na Libertadores

Compartilhe: Twitter

Fluminense e Corinthians entrarão em campo, hoje à noite, buscando a primeira colocação na fase de grupos da Copa Libertadores. Já classificados, os dois clubes brasileiros querem o primeiro lugar geral para ter o direito de jogar a segunda em casa todas as partidas dos mata-matas até a final (serão quatro confrontos para quem conseguir chegar lá).

Essa vantagem, porém, nunca garantiu aos melhores colocados da fase grupos o título da competição desde 2005, quando o torneio passou a contar o novo regulamento, que dá a vantagem de decidir o segundo jogo em casa ao time de melhor campanha.

O Fluminense, líder geral na segunda fase (de gupos), em 2008, foi o que chegou mais próximo do título, mas caiu diante da LDU Quito. Por outro lado, o Internacional, time com a segunda melhor campanha na fase de grupos em 2006, se beneficiou com a queda do Vélez nas quartas e decidiu todas as partidas em casa, no Beira Rio, até chegar ao então inédito título sul-americano. Essa foi a única vez em que um time jogou os quatro confrontos do mata-mata com a vantagem de decidir em casa e ficou com o título.

O Corinthians, que fez a melhor campanha em 1999, 2003 e 2010, já provou essa amarga situação, sendo eliminado por Palmeiras, River Plate-ARG e Flamengo, sendo esses dois últimos já no primeiro mata-mata, nas oitavas de final.

Desde 2005, quando a Libertadores passou a contar com 38 clubes e o mesmo regulamento de hoje, apenas em três oportunidades o primeiro colocado de um grupo da segunda fase conseguiu também o título da competição: o Internacional (em 2006 e 2010) e o São Paulo (em 2005). O Boca Juniors (2007), a LDU Quito (2008), o Estudiantes (2009) e o Santos (2011), terminaram a fase de grupos na segunda colocação e depois levantaram a taça.

Veja o desempenho dos primeiros colocados de 2005 para cá e quem acabou levando a taça.

Ano 1º (fase de grupos) Eliminado nas… Campeão Coloc. na fase de grupos
2011 Cruzeiro Oitavas Santos
2010 Corinthians Oitavas Internacional
2009 Grêmio Semifinal Estudiantes-ARG 10º
2008 Fluminense Final LDU Quito-EQU 11º
2007 Santos Semifinal Boca Juniors-ARG 11º
2006 Vélez Sarsfield-ARG Quartas Internacional
2005 River Plate-ARG Semifinal São Paulo

De 2004 para trás, quando o mando de campo dos mata-matas era pré-definido pela Conmebol através de sorteio, antes de o campeonato começar, o time de melhor campanha na fase de grupos também teve pouca sorte na sequência da competição. A última vez em que líder da primeira fase ficou com o título foi em 1996, com o River Plate-ARG. Confira o desempenho desde então:

Ano 1º (fase de grupos) Eliminado nas… Campeão Coloc. na fase de grupos
2004 Santos Quartas Once Caldas-COL
2003 Corinthians Oitavas Boca Juniors-ARG
2002 América-MEX Semifinal Olimpia-PAR
2001 Vasco Quartas Boca Juniors-ARG
2000 América de Cali-COL Oitavas Boca Juniors-ARG
1999 Corinthians Quartas Palmeiras
1998 River Plate-ARG Quartas Vasco
1997 Colo Colo-CHI Semifinal Cruzeiro
Autor: Tags: , , , , , ,

5 comentários | Comentar

  1. 25 Único invicto da Libertadores, Corinthians enfrenta sina em mata-mata « CrystalTube 20/04/2012 8:05

    […] Veja também: Melhor campanha não significa título da Libertadores desde 1996 […]

    Responder
  2. 24 Único invicto da Libertadores, Corinthians enfrenta sina em mata-mata - O melhor agregador de notícias… 20/04/2012 7:39

    […] Veja também: Melhor campanha não significa título da Libertadores desde 1996 […]

    Responder
  3. 23 Ernesto da Silva 18/04/2012 18:24

    Libertadores dá prejuizo para os clubes brasileiros, só dá lucro para a Federação Sul Americana.

    Responder
  4. 22 Claudio Rossetto 18/04/2012 17:19

    Libertadores significa para clubes brasileiros Grana,Grana,Grana, depois reconhecimento,reconhecimento, depois sucesso,sucesso e finalmente a história de campanhas emocionantes para sempre.

    Responder
  5. 21 pedro 18/04/2012 16:50

    Podia ter citado o Marca Brasil como fonte, né!!!

    Responder
  1. ver todos os comentários
 

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

* Campos obrigatórios


 

Responder comentário


* Campos obrigatórios