Publicidade

Posts com a Tag Cerro Porteño

quinta-feira, 26 de maio de 2011 Copa Libertadores, Estatísticas | 10:31

Histórico favorável ao Santos nessa semifinal

Compartilhe: Twitter

A apertada vitória de 1 x 0 do Santos sobre o Cerro Porteño-PAR, no jogo de ida das semifinal da Copa Libertadores, acabou frustando alguns torcedores, que esperavam um placar mais dilatado e um conforto maior para o jogo de volta. Mas historiacamente, os números mostraram que raramente um clube que vence o primeiro jogo de uma semifinal de Libertadores é eliminado da competição. Além disso, o retrospecto do Peixe diante do Cerro Porteño e diante dos paraguaios, também ajudam muito o time da Vila Belmiro.

Isso, sem contar que a equipe dirigida por Muricy Ramalho conta com o melhor jogador do torneio, o atacante Neymar…

Até hoje, desde 1960, foram disputadas 64 confrontos de semifinais na história da competição (não houve semifinal em 1966, 1967 e entre 1971 e 1987). Dessas, apenas em 13 vezes o vencedor do primeiro jogo acabou perdendo a vaga para a final. Ou seja, em apenas 20% dos confrontos quem ganhou a partida partida ficou de fora da grande decisão. Nos últimos dez anos, apenas o Boca Juniors reverteu um placar desfavorál, em 2007, contra o Cúcuta. Relembre aqui:

1962
Nacional-URU 2 x 1 Peñarol-URU
Peñarol-URU 3 x 1 Nacional-URU
Peñarol-URU 1 x 1 Nacional-URU

1965
Santos 5 x 4 Peñarol-URU
Peñarol-URU 3 x 2 Santos
Peñarol-URU 2 x 1 Santos

1968
Racing-ARG 2 x 0 Estudiantes-ARG
Estudiantes-ARG 3 x 0 Racing-ARG
Racing-ARG 1 x 1 Estudiantes-ARG

1970
Universidad de Chile-CHI 1 x 0 Peñarol-URU
Peñarol-URU 2 x 0 Universidad de Chile-CHI
Peñarol 2 x 2 Universidad de Chile-CHI

1989
Olimpia-PAR 0 x 1 Internacional
Internacional 2 x 3 Olimpia-PAR (Olimpia 5 x 3 nos pênaltis)

1990
River Plate-ARG 1 x 0 Barcelona-EQU
Barcelona-EQU1 x 0 River Plate-ARG (Barcelona 4 x 3 nos pênaltis)

1991
Boca Juniors-ARG 1 x 0 Colo Colo-CHI
Colo Colo-CHI 3 x 1 Boca Juniors-ARG

1994
Junior Barranquilla-COL  2 x 1 Vélez Sarsfield-ARG
Vélez Sarsfield-ARG 2 x 1 Junior Barranquilla-COL   (Vélez 5 x 4 nos pênaltis)

1996
Grêmio 1 x 0 América de Cáli-COL
América de Cáli-COL 3 x 1 Grêmio

1997
Racing-ARG 3 x 2 Sporting Cristal-PER
Sporting Cristal-PER 4 x 1 Racing-ARG

1999
River Plate-ARG 1 x 0 Palmeiras
Palmeiras 3 x 0 River Plate-ARG

2000
Corinthians 4 x 3 Palmeiras
Palmeiras 3 x 2 Corinthians (Palmeiras 5 x 4 nos pênaltis)

2007
Cúcuca-COL 3 x 1 Boca Juniors-ARG
Boca Juniors-ARG 3 x 0 Cúcuta-COL

Outro ponto histórico favorável ao Santos é que até hoje, em cinco confrontos contra o Cerro Porteño-PAR, o Peixe segue invicto. Em 1962, na primeira fase, empatou por 1 x 1, em Assunção, e aplicou um 9 x 1 em Santos, na maior goleada do clube na história da Libertadores. Agora, em 2011, os clubes voltaram a se enfrentar na fase de grupos. Depois do 1 x 1 na Vila Belmiro, o Santos venceu no Paraguai por 2 x 1. Em cinco jogos, foram então 3 vitórias do Santos e dois empates, com 14 gols do Santos e apenas 4 do Cerro. Além disso, o Santos nunca perdeu para clubes paraguaios na história da competição sul-americana. Em 9 jogos, foram 6 vitórias e 3 empates.

Mais um dado para deixar o santista otimista é que o Cerro Porteño é o clube que mais disputou a Libertadores sem conseguir chegar a uma final. Antes dessa atuação edição, o Cerro disputou 33 vezes a competição. Até hoje, seus melhores desempenhos foram em 1973 e 1978 (quando chegou na segunda fase, de grupos, uma antes da final) e em 1993, 1998 e 1999, quando foi eliminado na semifinal.

Autor: Tags: , , ,