Publicidade

Posts com a Tag Marcos

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012 Goleiros, História, Seleção Brasileira | 11:41

Os números da grandiosa carreira do goleiro Marcos

Compartilhe: Twitter

Um dos maiores goleiros da história do futebol brasileiro, Marcos anunciou sua despedida ontem, após 20 anos de carreira. Goleiro que marcou época com títulos importantes e amor à camisa, Marcos fez história no Palmeiras, desde sua estreia como profissional, em 1992. Pela Seleção Brasileira, apesar de jogar apenas 29 vezes, Marcos deixou seu nome gravado entre os maiores goleiros. Em 2002, o jogador foi titular em todos os sete jogos e figura importantíssima na conquista da Copa do Mundo.  Heroi na conquista da Copa Libertadores de 1999, o goleiro entrou para lista dos 10 jogadores que mais atuaram pelo Palmeiras.

Marcos Roberto Silveira Reis
4/8/1973 (38 anos), nasceu em Oriente (SP)
1,93 m, 93 kg
Carreira: Palmeiras: 1992-2011 (532 jogos, 681 gols sofridos) e Seleção Brasileira: 1999 a 2005 (29 jogos, 24 gols sofridos).
Veja aqui a lista de todos os jogos do goleiro Marcos.
Títulos: Copa do Mundo (2002), Copa das Confederações (2005), Copa América (1999), Copa Libertadores (1999), Copa Mercosul (1998), Copa do Brasil (1998), Copa dos Campeões (2000), Torneio Rio-São Paulo (2000), Campeonato Paulista (1996 e 2008) e Brasileiro da Série B (2003)

Curiosidades: Dos 532 jogos pelo Palmeiras, as competições que mais atuou foram: Brasileiro (202 jogos), Paulistão (132 jogos), Copa Libertadores (57 jogos) e Copa do Brasil (36 jogos). Marcos é o jogador que mais vezes atuou no estádio Parque Antártica, com 212 jogos (Ademir da Guia é o segundo, com 184). 

Jogadores que mais defenderam o Palmeiras:

Jogador Posição Partidas Período
Ademir da Guia Meia 901 1962-1977
Leão Goleiro 617 1968-78 e 1984-86
Dudu Volante 609 1964-1976
Waldemar Fiúme Meia 601 1941-1958
Valdemar Carabina Zagueiro 584 1954-1966
Luís Pereira Zagueiro 568 1968-74 e 1981-84
Marcos Goleiro 532 1992-2011
Djalma Santos Lateral-direito 498 1959-1968
Nei Atacante 488 1972-1980
Valdir Goleiro 482 1958-1969

.

Com 532 jogos disputados pelo Palmeiras, Marcos só não jogou mais vezes do que Leão, que fez 617 jogos, entre os goleiros que já defenderam o Palmeiras na história.

Os goleiros que mais jogaram pelo Palmeiras:

Pos. Goleiro Jogos
Leão 617
Marcos 532
Valdir de Moraes 480
Velloso 455
Oberdan 351
Sérgio 337
Gilmar 287
Primo 170
Jurandyr 133
10º Nascimento 130
11º Zetti 100
12º Diego Cavalieri 95

.

Desde 1996, quando efetivamente começou a jogar pelo Palmeiras, Marcos disputou 16 temporadas, com uma média de 33 jogos por ano. Marcado por uma carreira repleta de lesões, Marcos só pode disputar praticamente seis temporadas inteiras. Veja o desempenho de Marcos ano a ano pelo Palmeiras:

Ano Jogos
1992 1
1996 18
1997 11
1998 11
1999 60
2000 39
2001 39
2002 41
2003 46
2004 19
2005 41
2006 14
2007 14
2008 60
2009 55
2010 36
2011 27

.

Pênaltis e Libertadores
Goleiro que mais atuou pelo Palmeiras na história da Libertadores (57 jogos), Marcos foi campeão em 1999, vice em 2000, semifinalista em 2001 e ainda chegou nas quartas de final (2009) e nas oitavas de final (2007). Nessas cinco edições, Marcos participou de nove disputas por pênaltis, saindo vencedor em sete delas. Dos 42 pênaltis cobrados sobre o Marcos, 10 foram defendidos e sete foram chutados para fora. No geral, em toda a sua carreira, Marcos defendeu 33 pênaltis.

Marcos em disputas por pênaltis em Libertadores:
1999 – Quartas-de-final
Palmeiras 4 x 2 Corinthians (defendeu 1 cobrança; 1 foi para fora)

1999 – Final
Palmeiras 4 x 3 Deportivo Cali-COL (2 foram para fora)

2000 – Oitavas-de-final
Palmeiras 3 x 2 Peñarol-URU (defendeu 2 cobranças; 1 foi para fora)

2000 – Semifinal
Palmeiras 5 x 4 Corinthians (defendeu 1 cobrança)

2000 – Final
Palmeiras 2 x 4 Boca Juniors-ARG

2001 – Oitavas-de-final
Palmeiras 5 x 3 São Caetano (1 foi para fora)

2001 – Quartas-de-final
Palmeiras 4 x 3 Cruzeiro (defendeu 3 cobranças; 1 foi para fora)

2001 – Semifinal
Palmeiras 2 x 3 Boca Juniors-ARG (1 foi para fora)

2009 – Oitavas-de-final
Palmeiras 3 x 1 Sport (defendeu 3 cobranças)


Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 13 de outubro de 2011 Campeonato Brasileiro, História | 12:02

Os jogadores com mais de 100 jogos pelos grandes do Brasil

Compartilhe: Twitter

Nos últimos jogos do Brasileirão, alguns jogadores alcançaram marcas importantes em relação ao número de partidas em seus respectivos clubes. Ontem, por exemplo, o goleiro Júlio César chegou a marca de 100 jogos com a camisa do Corinthians. Entre os 12 grandes clubes do país, 60 jogadores já chegaram ou ultrapassaram essa marca de 100 jogos.

Santos e Inter são os dois clubes que contam com mais jogadores velhos de casa. No Colorado, são dez jogadores que já vestiram a camisa do time gaúcho por mais de 100 vezes. Já no Santos, são nove, incluindo Neymar e Ganso. Entre esses 60 jogadores, quem mais vezes vestiu a camisa foi o goleiro Rogério Ceni, do São Paulo, com 1.007 partidas, seguido por outros goleiros: Marcos, do Palmeiras (530 jogos), e Fábio, do Cruzeiro (414 jogos). Entre os jogadores de linha, destacam-se os laterais Léo, do Santos (395 jogos) e Léo Moura, do Flamengo (358), além dos meias Felipe (320) e Juninho Pernambucano (312), do Vasco, e dos zagueiros Índio (311) e Bolívar (300), todos na casa dos trezentos jogos.

Outros três jogadores estão próximos também de alcançar a marca de 100 jogos nesse Brasileirão: Danilo (Corinthians), Rafael (Santos) e Dedé (Vasco). Confira abaixo a lista dos jogadores em atividade com mais partidas nos 12 maiores clubes do Brasil:

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011 Campeonatos Estaduais, Confrontos, Estatísticas, História | 10:59

Nos números, vantagem para o São Paulo diante do Palmeiras

Compartilhe: Twitter

São Paulo e Palmeiras se enfrentarão no próximo domingo pela 10ª rodada do Paulistão. Líder do campeonato, o time do técnico Felipão terá uma difícil missão pela frente: bater o São Paulo, rival indigesto nos últimos anos, em pleno Morumbi.

Desde 2002, quando venceu por 4 x 2, com direito a uma golaço de Alex, o Palmeiras não vence o tricolor no Morumbi. Esse jejum de vitórias alviverdes já chega a 16 partidas (11 vitórias são-paulinas e 5 empates).

Historicamente, o retrospecto também favorece o São Paulo no Choque-Rei. Em 283 confrontos, foram 100 vitórias do São Paulo, contra 93 do Palmeiras e 90 empates. Nos últimos anos, o tricolor também tem levado a melhor. Desde o 4 x 2 de 2002, já foram realizados 31 jogos. Desses, o Palmeiras venceu apenas 6, contra 15 do São Paulo. Dessa forma, passou a ser o “freguês” do confronto.

Além do jejum no Morumbi, o Palmeiras tem também um retrospecto negativo no estádio contra o São Paulo. Em 110 jogos, foram 46 vitórias dos donos da casa, contra 25 do Palmeiras e 39 empates.

Outra vantagem são-paulina nesse confronto acontece na história do Paulistão. Até hoje, em 153 partidas, foram 65 vitórias do São Paulo contra 43 do Palmeiras e 42 empates.

Quem também tem um bom desempenho contra o Palmeiras, na história do clássico, é Rogério Ceni. O goleiro participou de 47 jogos contra o rival, venceu 22, empatou 11 e perdeu 14. O Palmeiras é também o clube que o goleiro mais marcou gols na carreira (7 no total).

O goleiro Marcos, que é dúvida para o clássico, já disputou o clássico 25 vezes, com 6 vitórias do Palmeiras, 8 empates e 11 vitórias do São Paulo.

Já o técnico Luiz Felipe Scolari também não leva vantagem nesse confronto. Em 13 jogos, venceu 3, empatou 2 e perdeu 8 deles.

Clique aqui para ver a lista de jogos entre Palmeiras e São Paulo na história.

.

.

Autor: Tags: , , , , , , ,

quarta-feira, 8 de setembro de 2010 Estatísticas, História | 15:29

Ceni e os recordistas de casa na atualidade

Compartilhe: Twitter

O goleiro Rogério Ceni foi homenageado pelo São Paulo nessa semana por completar 20 anos de clube. O feito é raro, principalmente para um jogador de ponta. Porém, não é exclusividade do goleiro do Tricolor. O zagueiro Bailie, do Linfield, da Irlanda do Norte, é o recordista de tempo em um único clube na atualidade com 24 anos e 2 meses na mesma equipe.

Ceni é o segundo na lista, que tem logo na sequência o galês Ryan Giggs, supercampeão pelo Manchester United. O clube inglês, aliás, conta com três velhos de casa. Além de Giggs, estão lá há muito tempo o volante Scholes e o lateral-direito Gary Neville. Entre os brasileiros, outro que figura na lista dos jogadores há mais de 14 anos em um só clube é o goleiro Marcos, que está no Palmeiras desde o início de 1992. Confira a lista completa:

Jogador Posição País Clube Idade No clube desde…
Noel Bailie Zagueiro Irlanda do Norte Linfiend-IRN 39 jul/86 (24 anos e 2 meses)
Rogério Ceni Goleiro Brasil São Paulo 37 set/90 (20 anos)
Giggs Atacante País de Gales Manchester United-ING 36 dez/90 (19 anos e 9 meses)
Rydstrom Volante Suécia Kalmar-SUE 34 jan/92 (18 anos e 8 meses)
Marcos Goleiro Brasil Palmeiras 37 jan/92 (18 anos e 8 meses)
Verbir Meia Rep. Tcheca Teplice-TCH 37 jul/92 (18 anos e 2 meses)
Totti Atacante Itália Roma-ITA 33 jan/93 (17 anos e 8 meses)
Gary Neville Lateral-direito Inglaterra Manchester United-ING 35 jan/93 (17 anos e 8 meses)
Teruyoshi Ito Volante Japão Shimizu S-Pulse-JAP 36 jan/93 (17 anos e 8 meses)
Scholes Volante Inglaterra Manchester United-ING 35 jul/93 (17 anos e 2 meses)
Del Piero Atacante Itália Juventus-ITA 35 jul/93 (17 anos e 2 meses)
Shovkovsky Goleiro Ucrânia Dynamo Kiev-UCR 35 jul/93 (17 anos e 2 meses)
Megamadov Zagueiro Israel Maccabi Petah-ISR 36 jul/93 (17 anos e 2 meses)
Nikolov Goleiro Alemanha Eintracht Frankfurt-ALE 36 jul/93 (17 anos e 2 meses)
N. Yamada Zagueiro Japão Urawa Red Diamonds-JAP 34 jan/94 (16 anos e 8 meses)
Shimoda Goleiro Japão Sanfrecce Hiroshima-JAP 34 jan/94 (16 anos e 8 meses)
Wasta Goleiro Suécia Kalmar-SUE 34 jan/94 (16 anos e 8 meses)
Strand Meia Noruega Rosenborg-NOR 40 jan/94 (16 anos e 8 meses)
Jochumsen Goleiro Dinamarca Horsens-DIN 34 jul/94 (16 anos e 2 meses)
N. Matsuda Zagueiro Japão Yokohama F. Marinos-JAP 33 jan/95 (15 anos e 8 meses)
Lafton Zagueiro Noruega Honefoss 34 jan/95 (15 anos e 8 meses)
Satsias Volante Chipre APOEL Nicosia 34 jul/95 (15 anos e 2 meses)
Zanetti Volante Argentina Internazionale-ITA 37 jul/95 (15 anos e 2 meses)
Nordback Meia Finlânia Orebro 31 jan/96 (14 anos e 8 meses)
Hattori Lateral-esquerdo Japão Sanfrecce Hiroshima-JAP 32 jan/96 (14 anos e 8 meses)
Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 18 de agosto de 2010 Goleiros, História | 16:30

Curiosidades sobre os 500 jogos do goleiro Marcos

Compartilhe: Twitter

3O goleiro Marcos, do Palmeiras, irá atingir a marca de 500 jogos com a camisa do clube, amanhã, no jogo contra o Vitória pela Copa Sul-Americana. No clube desde 1992, Marcos já é sétimo jogador com mais partidas pelo clube e o segundo goleiro com mais jogos, atrás apenas de Leão, entre os 110 que já defenderam o gol palmeirense.

Jogadores que mais defenderam o Palmeiras:

Jogador Posição Partidas Período
Ademir da Guia Meia 901 1962-1977
Leão Goleiro 617 1968-78 e 1984-86
Dudu Volante 609 1964-1976
Waldemar Fiúme Meia 601 1941-1958
Valdemar Carabina Zagueiro 584 1954-1966
Luís Pereira Zagueiro 568 1968-74 e 1981-84
Marcos Goleiro 499 1992-2010
Djalma Santos Lateral-direito 498 1959-1968
Nei Atacante 488 1972-1980
Valdir Goleiro 482 1958-1969

.

Todos os goleiros da história do Palmeiras:

Pos. Goleiro Jogos
Leão 617
Marcos 499
Valdir de Moraes 480
Velloso 455
Oberdan 351
Sérgio 337
Gilmar 287
Primo 170
Jurandyr 133
10º Nascimento 130
11º Zetti 100
12º Diego Cavalieri 95
13º Martorelli 91
14º Laércio 88
15º Nivaldo 83
16º João Marcos 82
17º Fábio 81
Ivan 81
19º Aníbal 70
20º Gijo 67
21º Raul Marcel 57
22º Chicão 56
23º Perez 55
24º Lodô 52
25º Picasso 48
26º Cavani 47
27º Lourenço 45
28º Neuri 42
29º Carlos 41
30º Edgar 39
31º Rosan 36
32º Bernardino 35
33º Aymoré 33
Maidana 33
35º Rodrigues 32
36º Fernandez 31
37º Donah 29
38º César 26
39º Benitez 24
40º Sílvio 23
Bruno 23
42º Rabello 22
43º Sérgio Guedes 20
Victor 20
45º Furlan 18
46º Cláudio 17
47º Nanni 16
Rugillo 16
49º Marcelo 15
50º Tonho 14
Deola 14
52º Ivã 11
53º Doly 10
Pagni 10
55º Fabrini 9
Morlin 9
Russo 9
Tarzan 9
59º Augusto 8
Tucci 8
61º Migliari 7
Válter 7
63º Figueira 6
Gilvan 6
65º Batatais 5
Luís Sérgio 5
Zeca 5
68º Alcino 4
Aparecido 4
Humberto 4
Índio 4
Joãozinho 4
Joel 4
Peter 4
Robertinho 4
Walter 4
77º Alberto 3
Rey 3
79º Aldo 2
Ciro 2
Cláudio 2
Dudinha 2
Herrera 2
Mano 2
Olavo 2
Pedrinho 2
Perth 2
Ruben 2
Stilittano 2
Tino 2
Tuffy 2
92º Célio 1
Décio 1
Dirceu 1
Fernando Pescoço 1
Fornasari 1
Gianecchini 1
Ígor 1
Inocêncio 1
Jaime 1
Jamil 1
Luiz Carlos 1
Moreno 1
Oscar 1
Pianowski 1
Ramos 1
Vicente 1
Vilera 1
Wilton 1
Zé Luiz 1

Fonte: Márcio Trevisan

.

Entre os goleiros em atividade dos grandes clubes do futebol brasileiro, Marcos só perde, em número de jogos, para o são-paulinoRogério Ceni, que já disputou 919 partidas pelo Tricolor. Confira abaixo a lista de jogos dos goleiros dos 12 grandes.

Clube

Goleiro

Partidas

Período

São Paulo

Rogério Ceni

919

desde 1993

Palmeiras

Marcos

499

desde 1994

Cruzeiro

Fábio

343

1999-00 e desde 2005

Grêmio

Victor

150

desde 2008

Botafogo

Jefferson

136

2003-05 e desde 2009

Vasco

Fernando Prass

89

desde 2009

Internacional

Renan

84

2004-08 e desde 2010

Fluminense

Fernando Henrique

52

desde 2009

Corinthians

Júlio César

28

desde 2005

Flamengo

Marcelo Lomba

12

desde 2006

Santos

Rafael

9

desde 2010

Atlético-MG

Fábio Costa

9

desde 2010

.

Para superar Emerson Leão, como o goleiro recordista de jogos pelo Palmeiras, Marcos precisará disputar mais 117 jogos. Desde 1996, quando efetivamente começou a jogar pelo Palmeiras, Marcos disputou 15 temporadas, com uma média de 33,3 jogos por ano. Nesse ritmo, precisaria de mais três ou quatro temporadas para superar Leão. Com 37 anos e contrato até o final de 2011, Marcos, porém, dificilmente irá ultrapassar Leão. Veja o desempenho de Marcos ano a ano pelo Palmeiras:

Ano Jogos
1992 1
1996 17
1997 11
1998 11
1999 59
2000 42
2001 45
2002 43
2003 55
2004 19
2005 41
2006 14
2007 14
2008 42
2009 55
2010 30

.

Com uma média de 1,21 gols sofridos por jogo, Marcos tem números inferiores ao de Leão e semelhante ao de Rogério Ceni (na média). Entre os goleiros recordistas de jogos dos 12 grandes clubes do futebol brasileiro, Marcos e Rogério são aqueles que mais sofreram gols. Confira:

Goleiro Clube Jogos Gols sofridos Média Período Posição
São Paulo Rogério Ceni 919 1110 1,21 1993-2010 1º que mais jogou
Fluminense Castilho 696 777 1,12 1946-64 1º que mais jogou
Atlético-MG João Leite 684 453 0,66 1976-88 e 91-92 1º que mais jogou
Vasco Carlos Germano 449 476 1,06 1984-99 e 04 2º que mais jogou
Palmeiras Leão 617 430 0,70 1968-78 e 84-86 2º que mais jogou
Corinthians Ronaldo 602 571 0,95 1987-1998 3º que mais jogou
Flamengo Cantarelle 557 404 0,73 1973-83 e 84-90 6º que mais atuou
Cruzeiro Raul 549 434 0,79 1965-78 4º que mais atuou
Botafogo Manga 442 394 0,89 1959-68 5º que mais atuou
Internacional Gainete 408 408 1,00 1962-64 e 66-72 6º que mais atuou
Santos Manga 404 0,00 1951-1959 13º que mais atuou
Palmeiras Marcos 499 603 1,21 1994-2010 7º que mais atuou

.

Autor: Tags: , ,

segunda-feira, 26 de abril de 2010 Goleiros, História | 23:41

Ceni: o maior goleiro da história? Nos números, sim…

Compartilhe: Twitter

Maior ídolo da torcida do São Paulo, o goleiro Rogério Ceni está prestes a alcançar mais uma importante marca pelo clube. Na próxima quarta-feira, diante do Universitário-PER, pela Copa Libertadores, o goleiro irá atingir a marca de 900 jogos pelo Tricolor. Um recorde na história entre um goleiro de uma grande equipe do futebol brasileiro. Até hoje, apenas jogadores de linha já atuaram mais do que ele em um dos 12 maiores clubes do país. Supercampeão pelo Tricolor e goleiro com o maior número de gols na história do futebol (89), Ceni está entre os maiores de sua posição em todos os tempos. Nos números, dificilmente alguém irá superá-lo tão cedo.

O feito que irá completar na próxima partida, ainda não é o maior de um jogador por um clube brasileiro, mas é um dos melhores. Dos 12 maiores clubes do país, apenas Pelé (1.115 jogos pelo Santos), Roberto Dinamite (1.110 jogos pelo Vasco) e Ademir da Guia (901 jogos pelo Palmeiras), atuaram mais. Logo mais, porém, Ceni poderá ultrapassar o palmeirense. Uma curiosidade, é que no São Paulo os três jogadores que mais atuaram são goleiros: Ceni (899 jogos), Waldir Peres (617) e Poy (565). Confira abaixo a lista dos lista dos jogadores que mais vestiram a camisa dos 12 grandes do futebol brasileiro:

Clube Jogador Posição Partidas Período
Santos Pelé Atacante 1115 1956-74
Vasco Roberto Dinamite Atacante 1110 1970-79, 80-89, 90 e 92-93
Palmeiras Ademir da Guia Meia 901 1962-77
São Paulo Rogério Ceni Goleiro 899 1993-10
Flamengo Júnior Lateral/volante 874 1974-84 e 89-93
Corinthians Wladimir Lateral-esquerdo 806 1972-87
Internacional Valdomiro Atacante 803 1968-80 e 82
Botafogo Nilton Santos Lateral-esquerdo 723 1948-64
Fluminense Castilho Goleiro 696 1946-64
Atlético-MG João Leite Goleiro 684 1976-88 e 91-92
Cruzeiro Zé Carlos Meia 619 1966-77

]Não há registro oficial de quem mais atuou pelo Grêmio.

a

Entre os goleiros dos 12 maiores clubes, Rogério Ceni é o que mais atuou. Atrás dele, vem Castilho, que vestiu a camisa do Fluminense por 696 jogos. Confira os goleiros que mais jogaram nos 12 grandes:

Clube Goleiro Partidas Período Posição
São Paulo Rogério Ceni 899 1993-2010 1º que mais jogou
Fluminense Castilho 696 1946-64 1º que mais jogou
Atlético-MG João Leite 684 1976-88 e 91-92 1º que mais jogou
Vasco Carlos Germano 632 1984-99 e 04 2º que mais jogou
Palmeiras Leão 617 1968-78 e 84-86 2º que mais jogou
Corinthians Ronaldo 602 1987-1998 3º que mais jogou
Flamengo Cantarelle 557 1973-83 e 84-90 6º que mais atuou
Cruzeiro Raul 549 1965-78 4º que mais atuou
Botafogo Manga 442 1959-68 5º que mais atuou
Internacional Gainete 408 1962-64 e 66-72 6º que mais atuou
Santos Manga 404 1951-1959 13º que mais atuou

Não há registro oficial do goleiro que mais atuou pelo Grêmio. Danrlei fez 594 jogos pelo clube entre 1993 e 2003. Já Eurico Lara, atuou durante 15 anos pelo clube, entre 1920 e 1935.

a

Já entre os goleiros da atualidade, Rogério Ceni também lidera. O são-paulino está bem a frente do segundo colocado, o palmeirense Marcos, que já atuou 489 pelo Palmeiras. Marcos, que esse ano entrou para lista dos dez jogadores que mais jogaram pelo Palmeiras, é o 8º com mais partidas pelo clube e está próximo de chegar ao sétimo lugar, que hoje é de Djalma Santos, com 498.

Clube Goleiro Partidas Período
São Paulo Rogério Ceni 899 desde 1993
Palmeiras Marcos 489 desde 1994
Cruzeiro Fábio 326 1999-00 e desde 2005
Flamengo Bruno 223 desde 2006
Corinthians Felipe 185 desde 2007
Grêmio Victor 129 desde 2008
Botafogo Jefferson 124 2003-05 e desde 2009
Santos Felipe 71 2006-08 e desde 2009
Vasco Fernando Prass 63 desde 2009
Fluminense Rafael 52 desde 2009
Atlético-MG Aranha 30 desde 2009
Internacional Abbondanzieri 15 desde 2010

a

Clube Goleiro Partidas Período Posição
São Paulo Rogério Ceni 899 1993-2010 1º que mais jogou
Fluminense Castilho 696 1946-64 1º que mais jogou
Atlético-MG João Leite 684 1976-88 e 91-92 1º que mais jogou
Vasco Carlos Germano 632 1984-99 e 04 2º que mais jogou
Palmeiras Leão 617 1968-78 e 84-86 2º que mais jogou
Corinthians Ronaldo 602 1987-1998 3º que mais jogou
Flamengo Cantarelle 557 1973-83 e 84-90 6º que mais atuou
Cruzeiro Raul 549 1965-78 4º que mais atuou
Botafogo Manga 442 1959-68 5º que mais atuou
Santos Manga 404 1951-1959 13º que mais atuou
Internacional Gainete 19 1962-64 e 66-72 6º que mais atuou
Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 13 de maio de 2009 Copa Libertadores, Estatísticas, História | 13:04

Ceni ou Marcos, quem é melhor na Libertadores?

Compartilhe: Twitter

O goleiro Marcos foi brilhante na classificação do Palmeiras para as quartas-de-final da Libertadores de 2009. O palmeirense levou o time nas costas e classificou o Verdão mais uma vez após uma disputa por pênaltis. Foi a sétima vitória em nove disputas. Marcos já entrou para a história do clube e do futebol brasileiro por feito. Seu aproveitamento nas disputas por pênaltis é incrível e talvez insuperável.

Mas o goleiro do Palmeiras não é o único a se destacar tanto na competição sul-americana. Rogério Ceni, do São Paulo, também tem números impressionantes pelo torneio. Apesar de não ter encarado tantas disputas de pênaltis, Rogério tem números que superaram Marcos. O são-paulino tem mais jogos, disputou uma edição a mais, sofreu menos gols e ainda marcou 10 em Libertadores. No único confronto direto entre eles, deu Rogério. Foi em 2005, nas oitavas-de-final.

Abaixo, os números de Marcos e Rogério Ceni na Libertadores. Vale lembrar que ambos são recordistas de participações por seus respectivos clubes na competição.

Marcos
Em Libertadores
Rogério Ceni
1 (1999)
Títulos
1 (2005)
1 (2000)
Vice
1 (2006)
1 (2001)
Semifinal
1 (2004)
Quartas-de-final
1 (2008)
1 (2005)
Oitavas-de-final
1 (2007)
53
Jogos
60
-65
Gols sofridos
-53
-1,22
Média
-0,88
0
Gols marcados
10
25
Vitórias
36
14
Empates
12
14
Derrotas
12
56,0%
Aproveitamento
66,7%
5
Cartões amarelos
6
0
Cartões vermelhos
0
9
Disputa nos pênaltis
2
7
Vitórias
2
2
Derrotas
0
42
Pênaltis
11
10
Defendidos
3
7
Para fora
1
25
Gols
7
40,0%
Aproveitamento
36,3%

Marcos em disputas por pênaltis em Libertadores:
1999 – Quartas-de-final
Palmeiras 4 x 2 Corinthians (defendeu 1 cobrança; 1 foi para fora)

1999 – Final
Palmeiras 4 x 3 Deportivo Cali-COL (2 foram para fora)

2000 – Oitavas-de-final
Palmeiras 3 x 2 Peñarol-URU (defendeu 2 cobranças; 1 foi para fora)

2000 – Semifinal
Palmeiras 5 x 4 Corinthians (defendeu 1 cobrança)

2000 – Final
Palmeiras 2 x 4 Boca Juniors-ARG

2001 – Oitavas-de-final
Palmeiras 5 x 3 São Caetano (1 foi para fora)

2001 – Quartas-de-final
Palmeiras 4 x 3 Cruzeiro (defendeu 3 cobranças; 1 foi para fora)

2001 – Semifinal
Palmeiras 2 x 3 Boca Juniors-ARG (1 foi para fora)

2009 – Oitavas-de-final
Palmeiras 3 x 1 Sport (defendeu 3 cobranças)


Rogério em disputas por pênaltis em Libertadores:
2004 – Quartas-de-final
São Paulo 5 x 4 Rosário Central-ARG (defendeu 2 cobranças)

2006 – Oitavas-de-final
São Paulo 4 x 3 Estudiantes-ARG (defendeu 1 cobrança; 1 foi para fora)

Autor: Tags: , ,